A comunicação interna e o sucesso organizacional

Por Maria Inês Gomes

Ines.gomes@inodev.pt

O que é a comunicação interna? Para que serve este tipo de comunicação? Quais são as vantagens? Estas são muitas das perguntas ao qual damos resposta neste artigo.

Com a globalização, as mudanças no mercado de trabalho e o aparecimento de novas tecnologias, as organizações têm investido em inovação e qualidade nos seus produtos e serviços para aprimorar os seus processos organizacionais. Segundo Chiavenato (2002), a comunicação interna permite que todas as pessoas, de todo os níveis de uma organização, compreendam que são administradores das suas próprias tarefas e não apenas os executores das mesmas. 

A comunicação interna é a partilha de conhecimento no ambiente organizacional e tem como propósito o alinhamento de informações e estratégias. Este tipo de comunicação é importante e tem de ser eficaz para manter os colaboradores comprometidos com os objetivos, missão, visão, valores e com as estratégias da organização. Para Torquato (1998), a comunicação interna é um fator estratégico que determina o sucesso das organizações, evidenciando que o motivo do fracasso é a falta de retorno/feedback. 

Mas quais são as vantagens da comunicação interna? As vantagens da comunicação interna são muitas e destaca-se o aumento da produtividade, a diminuição da taxa de rotatividade, dos conflitos e de interferências, a fácil integração de novos colaboradores, o melhoramento do clima organizacional e a comunicação alinhada. 

Para manter uma boa comunicação interna é importante conhecer o propósito da empresa, mas também os colaboradores da mesma para que se sintam compreendidos, respeitados e valorizados. Os resultados são o aumento da realização pessoal, da qualidade do trabalho, da produtividade e da motivação do colaborador. 

De modo a garantir a valorização dos colaboradores é comum estimular a partilha de ideias, a participação em reuniões e projetos, transmitir feedback e garantir a sua formação contínua. 

Quando as organizações consideram esta ação asseguram também uma equipa unida e a sensação de pertença. Normalmente são desenvolvidas atividades para fortalecer as relações interpessoais através do convívio em eventos, almoços e viagens em equipa, comemorações por objetivos cumpridos e happy hours.  

Em suma, a comunicação interna é necessária para as relações interpessoais dos colaboradores e consolida a identidade da organização junto do seu público interno. Este tipo de comunicação pode ser visto como uma vantagem competitiva e também vital para o sucesso da empresa, devido ao aumento da motivação dos colaboradores e ao fortalecimento da cultura organizacional. 

Fontes:

pt_PTPT
Abrir chat
💬 Precisa de ajuda?
Olá! Posso ajudar?
Sou o Micael Alves, Consultor de Inovação e estou disponível para esclarecer qualquer dúvida. Entre em contacto diretamente comigo.